. 24 setembro, 2018 .
Quando no início do mês de setembro a temperatura baixou acentuadamente cheguei a pensar que iríamos ter finalmente uma estação transicional como deve ser. Temperaturas mais frescas, com alguns dias de chuva que bem precisamos. Poderíamos guardar os fatos de banho para o próximo ano.  Usar aquele casaquinho de malha para deixar as nossas mães contentes. Começar a acender as velinhas de cheiro e a retirar as mantas do roupeiro. Usar tons mais terra e bordô. Enfim, comportamentos que seriam típicos na demarcação óbvia do final do verão e começo da nova estação.

Mas, por muito que se queira usar as mais recentes peças (ou as favoritas) do nosso guarda-roupa destinadas ao Outono, o tempo simplesmente não coopera com a nossa vontade. Não quer isto dizer que não teremos oportunidade de usar roupas mais quentes num futuro próximo. Apenas passaremos de imediato das malhas às lãs, como tem vindo a acontecer nos últimos anos. 


Contudo, queria trazer um conjunto com alguns elementos das novas coleções de Outono/Inverno disponíveis em loja, como é o caso das calças da Stradivarius com o padrão que mais se vê pelas lojas de fast fashion

Deste modo, o outfit resultou numa mistura entre elementos mais frescos e tons terra, como o verde e o bege.

t-shirt: zara;   calças: stradivarius;    mala: bershka;   óculos: mango

. 21 setembro, 2018 .
Ao mesmo tempo que vou crescendo, e tornando-me na pessoa que me imagino a ser num futuro próximo, procuro inspiração por todo o lado, seja em livros, séries, nos meus amigos e, claro, nas redes sociais. A verdade é simples: continuo a atualizar o feed do instagram hora a hora à procura de novas imagens, novos perfis e da novidade. 

Após duas publicações sobre perfis do instagram que sigo e que gosto (uma sobre fotógrafos que sigo e outro sobre miúdas super estilosas que sigo (ou seguia - eventualmente já não devo seguir um ou outro), partilho mais uma publicação do género. Uma vez que ando ativamente à procura de fotografias e de pessoas com quem me identifico e que me incentivem a ser um pouquinho mais ativa, no fundo, pessoas (nesta caso miúdas) que me inspirem a ser um pouco melhor do que sou agora. 

Desta vez o número aumentou e trago-vos não 6, mas 12 miúdas com um perfil de fazer inveja!


. 17 setembro, 2018 .

Moulin Rouge! (2001)
Dos cenários excêntricos à performance teatral e bizarra dos atores, Moulin Rouge!, remete para o teatro tradicional como o conhecemos. Como um Ópera excepcional este filme, escrito e produzido por Baz Luhrmann (diretor de Romeo + Juliet), reune músicas conhecidas de Madonna (e não só!) e de filmes da Era de Ouro de Hollywood numa das histórias de amor mais antigas: dois apaixonados, que devido às condições que estão sujeitos, têm que esconder o seu amor. 

Nicole Kidman apresenta-se extremamente bela e com uma surpreendente interpretação de Satine, uma dançarina de cabaré. Ewan McGregor transforma-se num jovem escritor romântico completamente apaixonado, Christian. Duas atuações excepcionais que em conjunto com as outras personagens transformam este filme em algo realmente único e ousado. 

5/5 estrelas

. 14 setembro, 2018 .

Este foi um verão diferente. Entre ter que resolver a minha vida universitária pós-erasmus, fazer o exame de condução, tratar de mil e uma questões que se foram levantando ao longo destes 3 meses que passaram, acabei por poder descansar em família durante uma semana em terras algarvias.

Embora já tenha ido há quase 4 anos pela primeira vez a Albufeira, fiquei apenas por um fim-de-semana. Nessa altura apaixonei-me pela arquitetura tipicamente mediterrânea (que se assemelha a uma das inúmeras ilhas gregas), pela água do mar cristalina e por toda a descontração de quem por lá decide passar. A verdade é que também ficaram coisas por fazer, nomeadamente, descobrir numa viagem de barco algumas grutas, praias privativas ou inacessíveis a quem barco não tenha. 

Este ano tive oportunidade de fazer isso mesmo, de puder mergulhar na água salgada do mediterrâneo a uns quilómetros da costa, de fazer longas caminhadas ao longo da praia e de me perder entre falésias.  Pude repousar na piscina do condomínio, imergir na leitura dos dois livros que levei comigo, recuperar a vitamina D e bronzear - como já não bronzeava há anos. 

highlights da semana

Houve espaço para mini-sessões entre as caminhadas e descobrir semelhanças entre o set do filme "Mamma Mia" e Albufeira.


Neste dia acabámos por nos "perder" entre as praias, o que resultou numa oportunidade de beber um cocktail após um mergulho.


A viagem de barco pelas grutas com direito a mergulho.